acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
GNV

Aumenta 26,8% desde o final de 2006

31/07/2008 | 04h50

O preço do gás produzido no Brasil praticamente dobrou desde o final de 2006, quando a Petrobras retirou os descontos e passou a reajustar o produto de acordo com as cotações internacionais. Especialistas apostam na manutenção da tendência de alta, que já fez sua primeira vítima: o consumidor de gás natural veicular (GNV).

 

Segundo dados da Associação Brasileira de Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás), o consumo do combustível caiu 1,87% no primeiro semestre, interrompendo trajetória de grande crescimento nos últimos anos.

 

De acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o preço médio do GNV nos postos brasileiros Brasil aumentou 26,88% entre dezembro de 2006 e a semana passada, chegando aos R$ 1,6 por metro cúbico. O valor é mais alto do que os R$ 1,462 cobrados pelo litro de álcool.

 

Apesar disso, porém, o GNV ainda tem pequena vantagem sobre o derivado da cana-de-açúcar: considerando uma autonomia de 12 quilômetros por metro cúbico, o GNV está custando hoje R$ 0,13 por quilômetro. Já o álcool, que roda em média oito quilômetros por litro, sai a R$ 0,18 por quilômetro.



Fonte: Agência Estado
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar