acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Petróleo e Gás

ANP realiza esta semana 10ª Rodada com 47 empresas qualificadas

15/12/2008 | 09h16

Apesar de só contar com blocos em terra, a 10ª Rodada de Licitações de áreas para exploração de petróleo e gás natural nas bacias sedimentares do país contará com o segundo maior número de empresas habilitadas, entre as nove rodadas realizadas até agora pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

 

A constatação contraria, em parte, a expectativa de especialistas do setor, que previam uma rodada de pouco interesse, não só pela ausência dos cobiçados blocos marítimos da camada do pré-sal, como também pelo agravamento da crise econômico-financeira mundial, que reduziu a disponibilidade de crédito e a predisposição para investimentos expressivos.

 

Segundo informações da ANP, para a 10ª Rodada acontecerá entre quinta e sexta-feiras (18 e 19), em um hotel da zona oeste da cidade, e para ela foram qualificadas 47 das 52 empresas, que manifestaram interesse em participar do processo licitatório.

 

Esse total é o segundo maior número registrado nas rodadas para blocos exploratórios realizadas pela agência, ficando abaixo apenas da 9ª Rodada, realizada no ano passado, com 62 empresas. Do total das qualificadas, 30 empresas são de origem brasileira e 17 originárias de nove países estrangeiros.

 

Segundo a ANP, do total dos grupos econômicos de origem estrangeira, a maioria (cinco) é dos Estados Unidos: Anadarko, Devon, Hess Corporation, Esso e Laço Management. Em seguida, estão três do Reino Unido: Shell e British Petroleum e Perenco. Da Colômbia, estão qualificadas duas: a Ecopetrol e a Integral de Servicios Técnicos. O mesmo ocorre com relação ao Canadá, com a Brazalta e a Paramount. As demais empresas são de Angola (Sonangol), Noruega (Norse), Ilhas Cayman (Partex), Panamá (Synergy) e Portugal (Petrogal).

 

A ANP informa, ainda, que, entre as brasileiras, estão algumas que já são concessionárias, como a Petrobras, OGX, Silver Marlin, Starfish, Petro Recôncavo, Severo Villares, S.A. Brasoil, Comp, UTC, Orteng, além de várias estreantes.

 

O prazo para o pagamento da taxa de participação para a 10ª Rodada termina hoje (15), quando realmente se terá conhecimento do número total de empresas que, de fato, disputarão a rodada.



Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar