acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Biocombustíveis

ANP quer incentivar debate sobre programa do biodiesel

24/03/2005 | 00h00

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) quer incentivar o debate sobre a implantação do Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel. Nesta terça-feira (23/03), a diretoria da Agência reuniu-se com o professor Expedito Parente, proprietário da primeira patente mundial de biodiesel como combustível, e Ricardo Pinto, especialista do Centro de Pesquisa e Desenvolvimento (Cenpes) da Petrobras, além da superintendente de Qualidade de Produtos da Agência, Maria Antonieta Souza.
Durante a reunião, foi feito um balanço sobre benefícios e desafios do Programa. Os principais indicativos foram a necessidade de maior articulação entre ANP e agentes públicos e privados. Foi analisada a iniciativa de organizar fóruns regionais para debate e esclarecimento de dúvidas sobre o tema, a começar pelo Nordeste.
Segundo informa a assessoria da ANP, o diretor-geral em exercício, Haroldo Lima, os diretores John Forman e Newton Monteiro e os superintendentes da Agência ressaltaram a necessidade promover a inclusão de pequenos e médios produtores, garantir a qualidade do novo combustível, bem como fontes de financiamento para o Programa.
A ANP integrou a comissão interministerial do biodiesel e foi responsável pela adequação do arcabouço regulatório. A regulamentação, que foi publicada no final do ano passado, dispõe sobre a comercialização do produtos e determina a adição de 2% de biodiesel ao combustível derivado de petróleo. De acordo com as normas a mistrura será feita pelas distribuidoras em moldes similares aos da adição de ácool anidro à gasolina.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar