acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Fiscalização

ANP interdita posto por combustível adulterado em SP

27/07/2015 | 10h44

 

Em ação de fiscalização realizada no sábado, 25/7, em São Paulo, a ANP interditou um posto revendedor de combustível por vender gasolina fora da especificação e também por bomba baixa (quando a bomba coloca menos combustível que o mostrado no painel). Outro posto revendedor de combustível foi autuado por se apresentar como posto BR, sendo de bandeira branca (não vinculado à rede de nenhuma distribuidora estabelecida).
A gasolina comum do Auto Posto Nossa Senhora do Líbano tinha 61% de etanol, quando o percentual é de 27%. A gasolina aditivada estava sendo vendida com 51%, contra 25% da especificação.
O posto, localizado na Av. Santa Cruz, 2339, também apresentou problema de bomba baixa em uma bomba, que colocava 150ml a menos de combustível em cada 20 litros.
Além de ter sido interditado, o posto vai responder a inquérito administrativo e estará sujeito a multas de até cinco milhões.
A ação de fiscalização realizada neste sábado teve como alvo postos revendedores com histórico de infrações  e reclamações de consumidores.

Em ação de fiscalização realizada no sábado, 25/7, em São Paulo, a ANP interditou um posto revendedor de combustível por vender gasolina fora da especificação e também por bomba baixa (quando a bomba coloca menos combustível que o mostrado no painel). Outro posto revendedor de combustível foi autuado por se apresentar como posto BR, sendo de bandeira branca (não vinculado à rede de nenhuma distribuidora estabelecida).

A gasolina comum do Auto Posto Nossa Senhora do Líbano tinha 61% de etanol, quando o percentual é de 27%. A gasolina aditivada estava sendo vendida com 51%, contra 25% da especificação.

O posto, localizado na Av. Santa Cruz, 2339, também apresentou problema de bomba baixa em uma bomba, que colocava 150ml a menos de combustível em cada 20 litros.

Além de ter sido interditado, o posto vai responder a inquérito administrativo e estará sujeito a multas de até cinco milhões.

A ação de fiscalização realizada neste sábado teve como alvo postos revendedores com histórico de infrações  e reclamações de consumidores.

 



Fonte: Redação/ Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar