acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Ações de fiscalização

ANP fiscaliza revendas de gás de botijão no Norte Fluminense

18/11/2015 | 10h54

 

Ontem e hoje (16 e 17/11), a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realizou ação para fiscalizar o mercado de GLP (gás de cozinha) de Quissamã e São Fidélis, no Norte Fluminense. Foram fiscalizadas 10 revendas de GLP, sendo seis interditadas e autuadas por não atenderem aos requisitos de segurança. 
Houve ainda cinco autuações por comercializar botijões com a requalificação vencida, sendo três distribuidoras (uma delas autuada duas vezes) e uma revenda de Campos dos Goytacazes. Nesses casos, foram autuados os fornecedores, mediante a nota fiscal de compra dos revendedores fiscalizados. 
Ações de fiscalização 
A ANP tem intensificado suas ações de fiscalização, planejando-as cada vez mais a partir de vetores de inteligência, com destaque para denúncias recebidas pelo Centro de Relações com o Consumidor (CRC) e dos resultados obtidos pelo Programa de Monitoramento da Qualidade dos Combustíveis (PMQC), além de informações repassadas por outros órgãos públicos e pela área de inteligência da ANP. 
Denúncias sobre irregularidades no mercado de combustíveis podem ser feitas pelo telefone 0800 970 0267 ou através da página www.anp.gov.br/faleconosco. 

Ontem e hoje (16 e 17/11), a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realizou ação para fiscalizar o mercado de GLP (gás de cozinha) de Quissamã e São Fidélis, no Norte Fluminense. Foram fiscalizadas 10 revendas de GLP, sendo seis interditadas e autuadas por não atenderem aos requisitos de segurança. 

Houve ainda cinco autuações por comercializar botijões com a requalificação vencida, sendo três distribuidoras (uma delas autuada duas vezes) e uma revenda de Campos dos Goytacazes. Nesses casos, foram autuados os fornecedores, mediante a nota fiscal de compra dos revendedores fiscalizados. 

Ações de fiscalização 
A ANP tem intensificado suas ações de fiscalização, planejando-as cada vez mais a partir de vetores de inteligência, com destaque para denúncias recebidas pelo Centro de Relações com o Consumidor (CRC) e dos resultados obtidos pelo Programa de Monitoramento da Qualidade dos Combustíveis (PMQC), além de informações repassadas por outros órgãos públicos e pela área de inteligência da ANP. 

Denúncias sobre irregularidades no mercado de combustíveis podem ser feitas pelo telefone 0800 970 0267 ou através da página www.anp.gov.br/faleconosco

 



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar