acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Exploração e Produção

Amazonas receberá aporte de US$ 3,4 bi

19/10/2011 | 11h56

A Petrobras planeja investir US$ 3,4 bilhões em exploração e produção no estado do Amazonas até 2015. Dentre os principais projetos estão a construção do gasoduto Juruá-Urucu, o início da produção de Juruá e a instalação da quarta Unidade de Processamento de Gás Natural (UPGN) na região. A estatal prevê aporte de US$ 1,6 bilhão em desenvolvimento da produção no Estado e de US$ 1 bilhão, no incremento da produção. Já os investimentos em infraestrutura e suporte da estatal devem chegar a US$ 728,6 milhões.

A província de Urucu, que completa 25 anos de descoberta este mês e fica a cerca de 650 quilômetros a sudoeste de Manaus, atingiu a média diária de produção de 11 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural e 54 mil barris de óleo condensado. O gerente da base, João Roberto Rodrigues, destacou que o petróleo extraído na região é o mais leve entre os óleos produzidos no país. O processamento do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), o gás de cozinha, já supera 1,3 mil toneladas por dia, equivalente a 115 mil botijões de 13 quilos.

"A Petrobras paga, por dia, cerca de R$ 3 milhões de reais em impostos para o Estado do Amazonas", destaca Rodrigues. Segundo o gerente, a empresa é a maior contribuinte de Imposto sobre Circulação de Mercadorias (ICMS) na região, representando 19,5% de toda a arrecadação do tributo no Amazonas.



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar