acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Negócios

Alstom e Converteam se unem em projeto de energia eólica offshore

15/03/2011 | 14h54
A Alstom, líder global em equipamentos e serviços para geração de energia, e a Converteam, especialista em conversão de energia, estão trabalhando juntas no maior gerador do mundo de imã permanente de propulsão direta (PMG) para uma turbina eólica. Como primeiro passo, a Converteam irá equipar dois protótipos de turbinas eólicas offshore de 6 MW que serão instalados onshore e offshore na Europa durante o inverno de 2011 e em 2012.

 

A última geração de turbinas de 6 MW da Alstom combina tecnologias de ponta e qualidade num design robusto, simples e eficiente que reduzirá o custo da energia (COE) eólica offshore. Isso inclui um arranjo inovador que apresenta a exclusiva e testada tecnologia ALSTOM PURE TORQUE™ e o PMG de propulsão direta líder mundial da Converteam, que juntos irão assegurar excepcional confiabilidade do sistema propulsor da turbina.

 

A tecnologia ALSTOM PURE TORQUE™ protege e melhora o desempenho do gerador desviando com segurança tensões indesejadas do vento para a torre da turbina. Somente a força rotativa, ou torque, é transmitida ao gerador, o que garante que seja mantida uma abertura de ar suficiente entre o rotor do gerador e o estator, dessa forma melhorando seu desempenho e confiabilidade.

 

Sistemas de “Propulsão Direta” não possuem uma caixa de engrenagens acoplada ao gerador. Seu número reduzido de partes rotatórias incrementa a confiabilidade, além de maximizar a disponibilidade da turbina e reduzir custos de manutenção. O uso de um gerador de “imã permanente” resulta numa geração mais eficiente e numa confiabilidade mecânica geral ainda maior, o que é crucial para a geração de energia eólica offshore onde a confiabilidade é um aspecto fundamental.

 

A Converteam fornecerá à Alstom seu inovador PMG de propulsão direta com “Advanced High Density” (AHD) (Alta Densidade Avançada), que é um design mais compacto e de peso inferior aos sistemas de propulsão direta mais antigos.

 

Alfonso Faubel, vice presidente do negócio de energia eoóica da Alstom Power, afirma: “Estamos desenvolvendo uma turbina robusta, simples e eficiente que reduzirá o COE da energia eólica offshore. A Alstom coloca a qualidade em primeiro plano, e é por isso que fizemos parcerias com os melhores fabricantes de componentes, como é a Converteam. Não podem existir problemas de design num produto para geração de energia que irá operar nas condições ambientais mais desafiadoras do segmento”.

 

A Converteam entregou seus primeiros geradores de imã permanente para turbinas eólicas de 5 MW em 2004, e seu primeiro PMG de propulsão direta de alta potência (3.7MW) está em operação desde 2008. Com mais de 22 GW de conversores de energia eólica entregues até hoje, a Converteam é líder mundial entre os fabricantes independentes.

 

Pierre Bastid, CEO da Converteam, ressalta: “Estamos orgulhosos dessa parceria com a Alstom neste projeto estimulante e inovador. O gerador terá torque superior a qualquer Gerador de Imã Permanente fabricado até o momento, e com este projeto estamos dando um grande passo para a comercialização de geradores de energia eólica de propulsão direta de grande porte. A turbina da Alstom será uma das maiores turbinas eólicas de propulsão direta no mercado eólico offshore, e a maior equipada com um gerador de Imã Permanente de Propulsão Direta”.

 

A turbina da Alstom está sendo desenvolvida com base nas condições de vento encontradas na maior parte das localidades offshore na Europa, nos EUA e no resto do mundo. Dois protótipos serão instalados em 2011 e 2012, uma pré-série em 2013 (o estágio final do lançamento antes da comercialização completa), e a produção em série em 2014.

 

Outras características-chave da turbina incluem seu enorme diâmetro de rotor – com a utilização das palhetas mais longas do mundo desenvolvidas em conjunto com Energia Eólica LM – e produção mais alta de energia – 6 MW. O elevado rendimento ajuda a compensar os custos operacionais e os investimentos em parques eólicos. O peso da turbina também está sendo otimizado com o objetivo de reduzir custos de instalação e infraestrutura.

 


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar