acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Gás Natural

Aker leva manifold que será instalado no campo de Jubarte

21/01/2011 | 10h35
Aker leva manifold que será instalado no campo de Jubarte
Aker leva manifold que será instalado no campo de Jubarte Aker leva manifold que será instalado no campo de Jubarte
A Aker Solutions, multinacional norueguesa do ramo de petróleo e gás, irá transportar entre os dias 24 e 29 de janeiro, o maior equipamento utilizado para escoamento da produção de gás natural já fabricado no Brasil.
 

O Pipeline End Manifold (Plem), é uma estrutura de grande porte, que serve para interligar diversos campos produtores de gás natural, localizados no fundo do mar. O equipamento é composto de uma estrutura principal (com módulos de produção acoplados) que pesa 293 toneladas, com 7,5 metros de largura, 21,3 metros de comprimento e 4,5 metros de altura. 
 

O projeto do Plem começou a ser desenvolvido em dezembro de 2008 e foi totalmente fabricado, montado e testado na unidade da Aker Solutions, em Curitiba, representando um marco de desenvolvimento tecnológico para a empresa.
 

O PLEM será instalado na Bacia do Espirito Santo no campo de Jubarte, a uma profundidade de 1193 metros, e distante 85 km do litoral Sul do estado. O escoamento da produção do gás retirado do fundo do mar será feito por meio de gasodutos submarinos, que o levarão até o continente na Unidade de Tratamento de Gás (UTG) localizada em Anchieta, no Sul do Espirito Santo.
 

A expectativa é que o transporte do Plem Sul Capixaba ocorra a partir da próxima segunda (24), partindo da Cidade Industrial de Curitiba até o Porto de Paranaguá, de onde seguirá para a plataforma FPSO P-57, no Espírito Santo.
 
 
O transporte precisa ser feito ainda neste mês de janeiro porque a concessão de queima de gás da plataforma P-57 se esgota após 90 dias do início da produção, que foi em dezembro do ano passado.
 
Ou seja, até 5 de março deste ano, a Agência Nacional de Petróleo permite que seja queimado o gás oriundo da produção do petróleo, até que os sistemas da plataforma sejam comissionados e a produção de gás seja suficiente para partir os compressores e iniciar a exportação de gás. Portanto, para que o compromisso com a ANP seja cumprido, o Plem precisa embarcar no Porto de Paranaguá antes do dia 7/2 e estar instalado até o dia 20/2.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar