acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Contratos

Aker fecha acordo de US$ 350 milhões com a Petrobras

26/11/2007 | 00h00
A empresa norueguesa Aker Oilfield Services fechou com a Petrobras contrato de aluguel no valor de US$ 350 milhões para uma embarcação de apoio para plataformas de exploração e produção de petróleo. O contrato, segundo nota divulgada pela Aker, tem prazo de cinco anos, podendo ser renovado. A embarcação estará disponível para a Petrobras a partir de 2010. A Aker Oilfield Services é controlada pela holding Aker ASA, DOF Subsea e Aker Kvaerner.

No Brasil, o braço de construção naval da Aker Kvaerner, o estaleiro Aker Yard, em Niterói (RJ), anunciou em setembro a construção de quatro embarcações de apoio às plataformas de petróleo, também no valor de US$ 350 milhões. Três delas serão destinadas ao armador norueguês Norskan e o outro para a empresa italiana Finarj. O estaleiro Aker, informou na ocasião que ao longo dos últimos dez anos, já construiu e entregou 20 embarcações de apoio para exploração no mar.

De acordo com levantamento preparado pela Associação Brasileira das Empresas de Apoio Marítimo, divulgado recentemente na Niterói Fenashore, 25 novas embarcações deste tipo deverão ser construídas no Brasil até 2010. No total, segundo a instituição, os estaleiros brasileiros construíram 55 embarcações de apoio desde a retomada da indústria naval brasileira, em 2001.

A maior expectativa das empresas de construção deste tipo de embarcação está voltada para o terceiro lote de encomendas da Petrobras, que pode sair entre o final de 2007 e início de 2008, e deverá contemplar a aquisição de 15 barcos.

Segundo o Sinaval (Sindicato Nacional da Indústria da Construção Naval), o país é hoje o segundo maior construtor de embarcações de apoio do mundo, ficando atrás somente da Noruega. Os barcos brasileiros já respondem por 65% da frota contratada pela Petrobras.

Fonte: Monitor Mercantil – RJ

Fonte: Monitor Mercantil –
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar