acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Métodos

AIE mostra ceticismo sobre o uso global do etanol

16/05/2007 | 00h00

A Agência Internacional de Energia (AIE) manifestou nesta terça-feira (15/05) uma boa dose de ceticismo sobre a viabilidade de o etanol se transformar numa alternativa de combustível em escala mundial. A globalização do etanol e seu tratamento como commodity é uma dos principais bandeiras do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

No encerramento de sua reunião ministerial, a entidade, que é integrada por 26 países industrializados, anunciou ter dúvidas sobre a capacidade de se produzir etanol numa escala suficiente e sustentável para se atender a uma maior demanda global no futuro. Alertou também que nem todos os métodos atuais empregados na produção do etanol oferecem ganhos ambientais.

Embora tenha enfatizado que o etanol produzido pelo Brasil através da cana-de-açúcar tem menores custos e é o mais limpo, a AIE considerou que a prioridade deve ser o desenvolvimento tecnológico da segunda geração do combustível, produzido a partir da celulose. "É preciso cuidado ao se dar o nome de biocombustível ao etanol", disse o ministro da Energia da Noruega, Odd Roger Enoksen, que presidiu o encontro.



Fonte: Jornal do Commercio
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar