acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Resultado

AES Tietê encerra o tri com investimentos de R$ 34,4 milhões

12/08/2011 | 15h12
Com um montante de R$ 34,4 milhões, a AES Tietê registrou mais que o dobro de investimentos entre abril e junho de 2011 em relação ao mesmo período do ano passado. O acumulado do semestre teve um aumento ainda maior: A AES Tietê destinou R$ 72,4 milhões nos primeiros seis meses deste ano e R$ 24,2 milhões no mesmo período de 2010. Esse volume reflete o programa de modernização das unidades geradoras de Nova Avanhandava, Ibitinga e Caconde.
 

Usinas
 

Um total de R$ 23,3 milhões foi destinado a equipamentos, modernização das usinas e tecnologia da informação. Outros R$ 6,1 milhões foram destinados para as PCHs São Joaquim e São José.
 

Em julho entrou em operação a PCH São Joaquim, em São João da Boa Vista, em São Paulo, com capacidade de 3MW. Foram investidos R$ 21 milhões no projeto. A PCH São José, com capacidade de 4 MW, também se encontra em fase final de construção com início de operação previsto para setembro.
 

No trimestre, também foi concluído o processo de manutenção e modernização de uma das unidades geradoras de Nova Avanhandava. Até o final deste ano, esse processo também será finalizado na terceira unidade da usina.
 

A geradora está desenvolvendo projeto de uma termoelétrica a gás natural no município de Canas, no Vale do Paraíba. A usina terá capacidade de geração de aproximadamente 550 MW, potência suficiente para atender a uma cidade de 5 milhões de pessoas. O local foi escolhido por reunir condições ideais para a instalação de uma termoelétrica movida a gás natural: proximidade do gasoduto, de linhas de transmissão de energia e de um rio. O projeto está atualmente na fase de licenciamento ambiental, necessário para habilitá-lo a participar de leilão de energia no segundo semestre de 2011. O investimento estimado é de R$ 1,1 bilhão.
 

Geração
 

A energia gerada pela AES Tietê, no segundo trimestre de 2011, totalizou 3.502,6 GWh, volume 41% superior à sua garantia física. A geração total das usinas da companhia foi de 141% da energia assegurada no período. 
 

Reservatórios
 

O nível dos reservatórios da AES Tietê chegou a 95,3% no final de junho de 2011, desempenho superior ao registrado no mesmo período em 2010 que foi de 88,9%.
 

Resultados no trimestre
 

A AES Tietê registrou, no segundo trimestre de 2011, lucro líquido de R$160,5 milhões, um aumento de 6,1% na comparação com o segundo trimestre de 2010. A receita líquida foi de R$ 409,1 milhões, aumento de 1,6% na mesma comparação. O Ebitda, no período, foi de R$ 304,4 milhões, 1,3% maior.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar