acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Abastecimento

Abegás sugere óleo como alternativa ao gás

23/11/2007 | 00h00
A Associação Brasileira das Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás) defendeu , nesta quinta-feira, a utilização de óleo combustível em térmicas como a única alternativa viável para evitar novos racionamentos de gás, como o ocorrido no início do mês no Rio e São Paulo. "O consumidor não pode ser penalizado por ter acreditado em um combustível de queima limpa, mais barato e que melhora seus produtos", afirmou o presidente da entidade, Armando Laudório.

Mais cedo, porém, o diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), em outro evento, Jerson Kelman, voltou a defender o deslocamento do gás para as térmicas. Fazendo coro com outras autoridades do governo, ele pediu cautela nos subsídios ao consumo de gás no país.

"Não é um assunto da Aneel, mas acho que as autoridades responsáveis têm que se debruçar sobre o tema e perceber que, se aumenta o consumo de gás não térmico, aumenta a briga por um recurso que já é escasso. Talvez isso não seja bom para o País", disse, após evento sobre perdas de energia e água no Rio. Ele lembrou que o gás natural veicular (GNV) pode ser substituído por gasolina e o gás industrial, por óleo combustível.

Já Laudório, falando para executivos em seminário da Câmara Britânica de Comércio, defendeu a tese de que é mais fácil converter "poucas térmicas" do que convencer 1,5 milhão de motoristas e diversas indústrias a voltarem aos combustíveis antigos. "É mais racional, cria menos tumulto", afirmou. Segundo sua proposta, o custo extra do uso de um combustível mais caro nas térmicas seria dividido por todos os consumidores de energia do País. "Temos que pagar a conta pela falta de planejamento do setor elétrico."


Fonte: Agência Estado
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar